E, a saudade, passa a ser, felicidade.



Uma vez, em um dia nada feliz, sentei-me de frente à uma árvore quase seca, e; - olhando aquela cena, compreendi algumas coisas. Na vida, não importa se você chorou muito, ou, sorriu pouco. O que importa é que você viveu momentos pelos quais nada, nem ninguém, poderá apagar. Folhas secas; lágrimas nos olhos - coração apertado, e uma saudade que chegar doer fundo. Tudo isso, fez parte da vida. Na verdade, todos nós somos folhas de uma grande árvore chamada, vida. E, acredite, um dia, todas essas pequenas folhas que foram tocadas pelo vento, um dia se encontram, e a saudade, passa a ser, felicidade.

3 Comentários

  1. Own, muito bonitinho o seu texto. <3
    http://arquivosderafaela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Rafaela, não consegui comentar em seu blog. =/

    ResponderExcluir